Segunda-feira, 7 de Dezembro de 2009
Da mão de Henry aos mal-amados

Em França, contam a estória que se segue:

O senhor De La Main tem dois filhos. Quais são os nomes dos seus filhos?

O Thierry De La Main e o Henry De La Main.

Se o mundial de futebol de 2010 prometia ser o mundial de África, o França- Irlanda do play-off de apuramento transfigurou-o no mundial da mão de Thierry Henry (no rasto da mão de Deus e da injustamente esquecida mão de Vata), sucedendo ao mundial da cabeça do Zidane. Portanto, o chauvinismo francês insiste em ofuscar os anfitriões dos mundiais, impingindo-nos o palhaço Domenech e a sua câmara de filmar imaginária. No grupo A, ZD é adepto fervoroso da África do Sul, do México e do Uruguai.

Quanto ao grupo G, dominado pelo duelo fratricida Portugal-Brasil (com os filhos mal-amados Deco, Pepe e Liedson na liça) e assessorado pelo Marfim da Costa (a Coreia do Norte será mais forte na corrida ao armamento nuclear do que no futebol), ZD considera a hipótese da tripla.



publicado por Zorro Danado às 22:54
link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De Beterraba a 9 de Dezembro de 2009 às 11:44
O facto de integrarmos o mesmo grupo que o Brasil é uma grande ironia. Portugal é indiscutivelmente inferior, claro que há o “nestes jogos tudo pode acontecer”, mas em teoria é algo não discutível. Dunga referiu-se a um Brasil B de Deco , Pepe e Liedson (para já, até Junho mais pode acontecer). Se Junho nos parece ainda distante, rapidamente estará aí à porta e nesse momento se verá dos convocados e do seu momento de forma. De qualquer forma, nesta fase, qual destes jogadores faz realmente a diferença? A meu ver, nenhum. Carrega-se o estigma mas sem o proveito.
Às perguntas óbvias aos jogadores luso-brasileiros sobre o confronto com o país natal, todos responderam concludentemente que “morrerão” por Portugal em campo. Contudo, a reacção mais curiosa saiu da boca de Liedson que, entre outras declarações, desvalorizou o 6-2 registado no particular entre estas duas equipas realizado em 20 de Novembro de 2008 (quase um ano antes de se falar na sua naturalização): «Aquela derrota doeu - sofremos seis golos - mas temos de esquecê-la. É passado.” Esta coisa da naturalidade é mesmo a sério, até as alegrias enquanto Brasileiro automaticamente se transformam em dores profundas como Português.


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


posts recentes

PJ emergiu «to bring us h...

Prince - «Some say a man ...

Colheita de 2015 - I

Sacrifício, garantias, ca...

Colheita de 2014 (apêndic...

Colheita de 2014 (uma som...

A chuva, um homem saudáve...

Brasil 2014 - notas mais ...

2 breves notas (ainda a r...

As diferenças que permite...

arquivos

Junho 2016

Abril 2016

Dezembro 2015

Junho 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Dezembro 2013

Julho 2013

Maio 2013

Março 2013

Dezembro 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

blogs SAPO
subscrever feeds